A humanidade, historicamente, sempre procurou superar seus limites numa busca constante por caminhos diversos, que levam ao encontro do conhecimento, enfrentando dificuldades e limites.

Os homens descobriram, ao longo do tempo, que não bastavam os seus desejos de ensinar para que o processo de aprendizagem se iniciasse, pois, como ato recíproco essencialmente social, que depende tanto do aluno como do professor, ensinar e aprender revela a complexidade da educação, da construção de conhecimento, um elemento transformador, capaz de mudar a sociedade.

A educação é uma das mais complexas operações humanas, para entender basta olhar o passado perceber a inquietação de alguns estudiosos preocupados em compreender as dificuldades, no processo de ensinar e aprender. A importância de uma educação permanente gera uma atitude diferenciada entre educadores que começam a questionar a eficácia do ensino e da aprendizagem.

Na pedagogia tradicional, a escola é vista como principal fonte de informação, de transformação cultural e ideologia das massas, respondendo aos interesses das classes dominantes. Hoje existem várias tendências que mostram a necessidade de que seja feita uma transmissão do saber acumulado pela humanidade, mas que estes conteúdos devem ser analisado de forma crítica e reflexiva, onde o aluno possa criar expectativas, habilidades, conhecimentos e competências, que lhe dêem subsídios para serem cada vez mais ativos.

Enfim, a escola deve levar o aluno a ser capaz de analisar as condições históricas, sociais e políticas, podendo assim descrever o mundo que os rodeia, e que seja capaz de transformá-lo, contribuindo, assim, para a construção da história da sociedade em que vive.

A evolução sempre esteve presente quando se trata de seres humanos. A história e a Educação fazem parte do processo cultural de todos os povos; ricos, pobres, velhos e jovens.

Evoluir é um processo natural, uma vez que o homem é um ser inteligente e a curiosidade é a peça chave para se chegar a novos conhecimentos. Não é de se estranhar as muitas fases pelas qual a educação tem passado desde a antiguidade até a atualidade.

O homem sofre transformações e junto com elas a necessidade de novas descobertas é inevitável. As abordagens descritas anteriormente formam o resultado da experiência cultural da humanidade e que foi construída ao longo de muitos anos.

Não seria possível ter hoje tantos conhecimentos das gerações passadas se não fosse a ciência que narra os fatos políticos, econômicos, culturais e sociais notáveis. A história traz a tona às várias formas pelas quais o homem entra em relação com o mundo que o rodeia, a depender das circunstâncias e necessidades, bem como do tipo de cultura que ele está inserido. Na vida de um povo há valores que precisam ser cultuados para assim haver comparações e consequentemente melhorias.

A História e a Educação precisam estar juntas: A História porque traz ao homem o conhecimento das gerações causando evolução. A Educação porque tem o efeito de instruir desenvolvendo a capacidade humana, visando a integração social.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorVANTAGEM E DESVANTAGEM DO CAPITALISMO
Próximo artigoATRIBUIÇÕES DO ENFERMEIRO

Marcelo é um profissional de Informática interessado em Internet, Programação PHP, Banco de Dados SQL Server e MySQL, Bootstrap, Wordpress. Nos tempos livres escreve nos sites trabalhosescolares.net sobre biografias, trabalhos escolares, provas para concursos e trabalhos escolares em geral.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here