PAI RICO,PAI POBRE

0
3495
DICAS PARA ANALISAR, COMPREENDER, E INTERPRETAR TEXTOS

Já no começo do livro Robert Kiyosaki diz: A escola prepara as crianças para o mundo real? “Estude com afinco, tire boas notas e você encontrará um bom emprego com um salário alto”, costumavam falar meus pais, mas a vida real prova que não é bem assim que as coisas funcionam. Em outro trecho ele revela o que realmente acontece na formação dos jovens: “O dinheiro não é ensinado nas escolas.

As escolas se concentram nas habilidades acadêmicas e profissionais, mas não nas habilidades financeiras. Isso explica por que médicos, gerentes de banco e contadores inteligentes que tiveram ótimas notas quando estudantes terão problemas financeiros durante toda sua vida.” Adolescentes, jovens e grande parte da classe média já possuem cartões de crédito e não recebem treinamento sobre como lidar com dinheiro e desconhecem o efeito dos juros sobre as transações de cartões de crédito.

Estas pessoas estão consumindo muito, gastando o possível e cada vez mais comprometendo seu futuro financeiro e seu status social. Há alguma maneira de reverter esse quadro? Sim, através do estudo e conhecimento de como o dinheiro funciona, é possível não apenas sair da crise, mas também obter inúmeros benefícios financeiros a médio e longo prazo.

A “alfabetização financeira” de Robert foi adquirida pelo pai de seu amigo Mike. Foi dele que Robert recebeu os primeiros ensinamentos sobre dinheiro. Conselhos bem diferentes dos dados por seu verdadeiro pai (o “Pai Pobre”). Os ensinamentos de meu pai rico faziam mais sentido, com isso Robert atingiu independência financeira e se tornou auto-sustentável. Poupando, reservando certa quantia de sua renda mensal, você retoma o controle das finanças, assume controle financeiro e independência financeira a médio ou longo prazo. Dicas de Robert:

É preciso conhecimento sobre finanças para deixar de ser empregado e sofrer com taxas do governo e etc; a vida deve ser desfrutada. Dominando seu gênio financeiro, pode-se ter todas as coisas boas da vida, enriquecer, pagar contas, sem tormentas. Isso é inteligência financeira.

Não trabalhe pelo dinheiro, faça o dinheiro trabalhar por você. Adquira ATIVOS (imóveis para alugar, ações, investimentos) e use o lucro para comprar PASSIVOS. Os pobres e a classe média adquirem PASSIVOS (casa própria, carro, móveis, etc) e pensam que na verdade são ATIVOS.

Trabalhar para aprender e não só pelo dinheiro.

Livre-se do medo e da preguiça mental.

Buscar oportunidades onde ninguém buscou. Contrate pessoas inteligentes para auxiliá-lo. Aprender com os erros. Buscar as coisas sempre com um “tato” diferente do comum.

Tenha heróis. Ensinar e receber aprendizados durante toda a vida.

Avaliação crítica:

Os Autores conseguem deixar bem claro e de uma forma simples e compreensível, porque algumas pessoas não conseguem ter êxito financeiro em suas vidas; e explicam como obtê-lo! O livro também é na verdade uma biografia financeira de Robert, e nos mostra quase que detalhadamente como ele conseguiu obter sua “independência financeira” seu êxito financeiro.

Pai Rico, Pai Pobre é um belo guia financeiro, para adolescentes mesmo, afinal de contas, os ensinamentos do livro terão mais “efeito” se aplicados desde cedo. Do meio do livro pra frente, ele se torna um pouco maçante, diria até repetitivo, e por algumas vezes me questiono se realmente existiu um pai rico na vida de Robert; pois ao que me parece esse pai é muito perfeito em matéria de finanças, o que me leva a acreditar que esse pai não exista e seja apenas a “forma” que Robert usou para aconselhar os leitores do livro a traçar “o melhor caminho financeiro”.

Ainda sim, esse livro é de valor grandioso culturalmente, nos dá um puxão de orelha e nos avisa que a nossa vida financeira necessita de cuidados e de conhecimento. Excelente livro.
Referência bibliográfica:

KIYOSAKI, Robert T.; LECHTER, Sharon L. pai rico, pai pobre: o que os ricaos ensinam a seus filhos sobre dinheiro. Tradução de Maria José C. Monteiro. 60º ed.; RJ: Elsevier, 1998.

Livro: “Pai Rico, Pai Pobre” escrito pelo empresário e investidor Robert T. Kiyosaki e pela contadora Sharon L. Lechter.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here