MODELO REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS

0
8562
DICAS PARA ANALISAR, COMPREENDER, E INTERPRETAR TEXTOS

Abaixo um modelo de Referencias Bibliograficas

http://www.trabalhosescolares.net/download/referencias_bibliograficas.doc

MODELOS DE REFERÊNCIAS

LIVROS (NO TODO)

a) Um autor
SOBRENOME DO AUTOR, Prenomes. Título. Edição (se houver). Local: editora, ano.

Exemplo: OLIVEIRA, P. S.de. Introdução à sociologia. 18. ed. São Paulo: Ática, 1998.

b) Até três autores
Procede-se da mesma forma, separando os nomes por vírgula.

Exemplo: SÁTIRO, A; WUENSCH, A. M. Pensando melhor: iniciação ao filosofar. São Paulo: Saraiva, 1997.

c) Mais de três autores
Menciona-se o primeiro seguido da expressão et al.

Exemplo: ALTAMIRO, J. S. et al. A metodologia do ensino na graduação. 2. ed. Rio de Janeiro: Vozes, 1988.

d) Entidades coletivas
Em geral entra-se pelo nome da entidade em caixa alta.

Exemplo: UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. Biblioteca Central. Normas para apresentação de trabalhos. Curitiba, 2000

CONSIDERADOS EM PARTE

a) Quando o autor do capítulo destacado é o mesmo da obra
SOBRENOME DO AUTOR, Prenomes. Título da parte. In: Título da obra. Edição. Local: Editora, ano. Capítulo, pag. inicial – final da parte.

Exemplo: CATANI, D. B. et al. História, memória e autobiografia na pesquisa educacional e na formação. In: Docência, memória e gênero. São Paulo: Escrituras, 1997. p. 13-24.

b) Autor da obra difere do autor do capítulo
SOBRENOME DO AUTOR DA PARTE, Prenomes. Título da parte. In: SOBRENOME DO AUTOR da obra, prenomes. Título da obra. Local: Editora, ano. pág. inicial-final da parte. O volume, se houver, é indicado após a referência do ano.

Exemplo: SAMANTHA, J. M. A vida dos selvículas no sul do Brasil. In: GOMES, L. A. Antropologia brasileira. 11. ed. Rio de Janeiro: Cultura, 1981. p. 30-40.

c) Obra em vários volumes em que se referencia apenas um
No caso de obra em vários volumes e sendo referenciado apenas um volume, que tenha título próprio, este deve ser transcrito após a indicação do número dos volumes.

Exemplo: RODRIGUES, S. Direito civil. 16. ed. São Paulo: Saraiva, 1989. 7 v. v. 5: Direito das coisas.

d) O título da parte não é destacado

Exemplo: FERNANDES, F. Mudanças sociais no Brasil. São Paulo: Difusão Européia, 1974. p. 117-164.

DICIONÁRIOS

Exemplo: AULETE, C. Dicionário contemporâneo da língua portuguesa. 3. ed. Rio de Janeiro: Delta, 1980. 5 v.

ATLAS

Exemplo: MOURÃO, R. R. de F. Atlas celeste. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 1984. 175 p.

TESES, DISSERTAÇÕES, MONOGRAFIAS E TRABALHOS ACADÊMICOS

SOBRENOME DO AUTOR, Prenomes. Título. Local, ano. Tese, dissertação, monografia ou trabalho acadêmico (grau e área) – Unidade de ensino, Instituição.
OBS: por grau entende-se: doutorado, mestrado, especialização ou graduação. Por área entende-se: saúde, educação, tecnologia …

Exemplo: TRAJANO, J. Avaliação de fatores que interferem nas cheias da bacia do Vale do Rio Itajaí . Blumenau, 1994. Dissertação (Mestrado em Engenharia ambiental). Coordenadoria de Pós-Graduação, Universidade Regional de Blumenau.

REVISTAS E JORNAIS

Em revistas e jornais não se coloca a editora; porém, quando houver, coloca-se depois da cidade, separada por dois pontos, a instituição ou órgão responsável. É o caso de publicações de universidades, do IBGE e de órgãos públicos.

a) Considerados no todo

Exemplo 1: REVISTA BRASILEIRA DE GEOGRAFIA.
Rio de Janeiro: IBGE, 1980.
Exemplo 2: VEJA. São Paulo: Abril, v. 31, n. 1, jan. 1998.
Exemplo 3: FOLHA DE SÃO PAULO. São Paulo, out. 1997.

b) Artigos de revistas
• Com autor
SOBRENOME DO AUTOR do artigo, Prenomes. Título do artigo. Título da revista, local de publicação, número do volume, número do fascículo, página inicial-final do artigo, data.

Exemplo: RODRIGUES, M. A estrutura do conhecimento. Enfoque. São Paulo, v. 11, n.1, p. 51-59, jan. 1983.

• Sem autor
Inicia-se com o título do artigo, colocando-se a primeira palavra em letras maiúsculas. Os demais elementos como no caso anterior, com autor.

Exemplo: METODOLOGIA do índice nacional de preços ao consumidor – NPC. Revista brasileira de estatística, Rio de Janeiro: IBGE, v. 41, n. 162, p. 323-330, abr/jun. 1980.

c) Artigos de jornal
• Com autor
SOBRENOME, Prenome do autor do artigo. Título do artigo. Título do jornal, local, data (dia, mês, ano). Caderno, seção ou suplemento e, página inicial – final do artigo.

Exemplo: NASSIF, L. A Modernização da construção civil. Folha de São Paulo, 3 out. 1997. Cad. 2, p. 3, c. 1.

• Sem autor
Mesmo procedimento usado para artigos de revista sem autor.

Exemplo: EMPRESAS reduzem tarifas em Brasília. Folha de São Paulo, 3 out. 1997. Cad. 2, p. 3.

CONGRESSOS, CONFERÊNCIAS, SIMPÓSIOS, WORKSHOP, JORNADAS E OUTROS EVENTOS CIENTÍFICOS.

NOME DO CONGRESSO. n.º , ano, Cidade onde se realizou o Congresso. Título. Local de publicação: Editora, data de publicação. Número de páginas ou volume.
NOTA: Quando se tratar de mais de um evento, realizados simultaneamente, deve-se seguir as mesmas regras aplicadas a autores pessoais.

• Jornadas

Exemplo: JORNADA INTERNA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 18, JORNADA INTERNA DE INICIAÇÃO ARTÍSTICA E CULTURAL, 8, 1996, Rio de Janeiro. Livro de Resumos do XVIII Jornada de Iniciação Científica e VII Jornada de Iniciação Artística e Cultural. Rio de Janeiro: UFRJ, 1996. 822 p.

• Reuniões

Exemplo: ANNUAL MEETING OF THE AMERICAN SOCIETY OF INTERNACIONAL LAW, 65, 1967, Washington. Proceedings… Washington: ASIL, 1967. 277 p.

• Conferências

Exemplo: CONFERÊNCIA NACIONAL DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, 11, 1986, Belém. Anais… [s.1.]: OAB, [1986?]. 924 p.

• Workshop

Exemplo: WORKSHOP DE DISSERTAÇÕES EM ANDAMENTO, 1, 1995, São Paulo. Anais… São Paulo: ICRS, USP, 1995. 39 p.

• Relatórios oficiais

Exemplo: COMISSÃO NACIONAL DE ENERGIA NUCLEAR. Departamento de Pesquisa Científica e Tecnológica. Relatório. Rio de Janeiro, 1972. Relatório. Mimeografado.

• Relatórios técnicos-científicos

Exemplo: SOUZA, U. E. L. de; MELHADO, S. B. Subsídios para a avaliação do custo de mão-de-obra na construção civil. São Paulo: EPUSP, 1991.38p. (Série Texto Técnico, TT/PCC/01).

RELATÓRIOS

Exemplo: UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU. Relatório da Reitoria – 1997. Blumenau, 1998.

PALESTRAS, CONFERÊNCIAS

Exemplo: BARUFFI, H. Epistemologia jurídica. Conferência proferida na Faculdade de Direito de Dourados, 17 ago. 1997.

ATAS

Exemplo: UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU. Conselho Universitário. Ata da reunião realizada no dia 14 de agosto de 1997. Livro n.º 04, p. 1-3.

ENTREVISTAS

a) Não publicadas

Exemplo: GADOTTI, M. Entrevista concedida pelo Diretor do Instituto Paulo Freire. São Paulo. Balneário Camboriú, 1997.

b) Publicadas

Exemplo: SANTOS, R. Mendicância. Veja. São Paulo, n. 45, 4 abr. 1993. Entrevista.

REFERÊNCIA LEGISLATIVA

a) Acórdãos, decisões e sentenças das cortes ou tribunais
NOME DO LOCAL (País, Estado ou Município). Nome da Corte ou Tribunal. Ementa ou Acórdão. Tipo e número do recurso (agravo de instrumento, de petição, apelação civil, criminal, embargos, habeas-corpus, mandado de segurança…), partes litigantes. Nome do relator. Data do acórdão (quando houver). Indicação da publicação que divulgou o acórdão, decisão…). Voto vencedor e voto vencido.

Exemplo: BRASIL. Supremo Tribunal Federal. Deferimento de pedido de extradição. Extradição n.º 410. Estados Unidos da América e José Antônio Fernandez. Relator: Ministro Rafael Mayer. 21 de março de 1984. Revista trimestral de jurisprudência, [Brasília], v. 109, p. 870-879, set. 1984.

b) Leis, decretos, portarias
NOME DO LOCAL (País, Estado ou Município). Título (especificação da legislação, n.º e data). Ementa. Indicação da Publicação Oficial.

Exemplo: BRASIL. Decreto-Lei n.º 2423, de 7 de abril de 1988. Estabelece critérios para pagamento de gratificações e vantagens pecuniárias aos titulares de cargos e empregos da Administração Federal direta e autárquica e dá outras providências. Diário Oficial [da União], Brasília, 8 abr. 1988, v. 126, n. 66, p. 6009.

c) Pareceres, resoluções, …
INSTITUIÇÃO RESPONSÁVEL. Parecer, resolução…data. Ementa. Relator ou consultor: Nome. Referência da publicação.

Exemplo: BRASIL. Consultoria Geral da República. Parecer n.º H – 837 de 27 de maio de 1969. Competência para expedição de atos de provimento de vacância em estabelecimentos de ensino superior. Lei n.º 5.539 de 1968 (art. 15). Consultor: Adroaldo Mesquita da Costa. In: CARVALHO, Ivan de. Ensino Superior, legislação e jurisprudência. Revista dos Tribunais, São Paulo, v. 4, p. 372-374, 1975.

d) Convênios, contratos, …
Nome da Instituição conveniente. Título. Local e data.

Exemplo: Secretaria de Estado da Educação e do Desporto. Convênio de ajuda financeira que entre si celebram a Secretaria da Educação e do Desporto do Estado de Mato Grosso do Sul e a Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – UFMS. Campo Grande, 05 de out. 1997.

FILMES

Título. Diretor. Local: Produtora: Distribuidora, data. Sistema de gravação.

Exemplo: BRAINSTORM. D. P. USA: MGM/UA: Vídeo Arte do Brasil, 1983. VHS NTSC.

DOCUMENTOS ELETRÔNICOS

DISQUETES

AUTOR do arquivo. Título do arquivo. Extensão do arquivo. Local, data. Características físicas, Tipo de suporte. Notas.

Exemplo: KRAEMER, L. L. B. Apostila.doc. Curitiba, 13 de maio de 1995. 1 arquivo (605 bytes). 1 disquete, 3 ½ pol. Word for Windows 6.0.

CD-ROM: partes de documentos

AUTOR DA PARTE. Título da parte. In: AUTOR DO TODO. Título do todo. Local: Editora, data.Tipo de suporte. Notas.

Exemplo: PEIXOTO, M. de F. V. Função citação como fator de recuperação de uma rede de assunto. In: IBICT. Base de dados em ciência e tecnologia. Brasília: IBICT, n.º 1, 1996. CD-ROM.

E-MAIL

AUTOR DA MENSAGEM. Endereço do remetente. Assunto da mensagem. Dia mês e ano. E-mail para: nome do destinatário. Endereço do destinatário.

NOTAS
• As informações devem ser retiradas, sempre que possível, do cabeçalho da mensagem recebida,
• Quando o e-mail for pessoal, o endereço pode ser omitido,
• Quando o e-mail for cópia, poderão ser acrescentados os demais destinatários após o primeiro, separados por ponto e vírgula.

Exemplo: MARINO, A. M. . TOEFL Brienfieng Number 3. 12 de maio 1988. Mensagem para: em 10 maio 2001.

FTP

AUTOR (se conhecido). Título. Disponível em: . Acesso em: data de acesso.

Exemplo: CARROLL, T. Frequently asked questions about copyright. Disponível em: . Acesso em: 27 abr. 2001.

LISTA DE DISCUSSÕES

AUTOR. Título (Assunto). Disponível em: (endereço da lista). Acesso em: data de acesso.

Exemplo: BRAGA, H. Deus não se agradou dele e de sua oferta. Disponível em: . Acesso em: 22 maio 1998.

NOTA: Caso trate-se de resposta de terceiros, a entrada dar-se-á pelo nome da mensagem original ou do autor da mensagem. Quando tratar de mensagem-resposta, Re (Replay) deve preceder o título.

MONOGRAFIAS CONSIDERADAS NO TODO (ON-LINE)

AUTOR. Título. Local (cidade): editora, data. Disponível na Internet. Endereço. Data de acesso.

Exemplo: O ESTADO DE SÃO PAULO. Manual de redação e estilo. Disponível em: . Acesso em: 19 maio 1998.

PUBLICAÇÕES PERIÓDICAS CONSIDERADAS NO TODO (ON-LINE)

TÍTULO DA PUBLICAÇÃO. LOCAL (cidade): Editora, vol., n.º, mês, ano. Disponível em . Acesso em: data de acesso.

Exemplo: CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO. v. 26. n. 3, 1997. Disponível em: . Acesso em: 19 de maio 1998.

PARTES DE PUBLICAÇÕES PERIÓDICAS (ON-LINE):

Artigos de Periódicos (On-line)
AUTOR. Título do artigo. Título da publicação seriada. vol., n.º, ano. Disponível em: . Acesso em: data de acesso.

Exemplo: MALOFF, J. A internet e o valor da internetização. Ciência da informação,. v. 26, n. 3, 1997. Disponível em: . Acesso em: 18 maio 1998.

ARTIGOS DE JORNAIS (ON-LINE)

AUTOR. Título do artigo. Título do jornal. Data. Disponível em: . Acesso em: data de acesso.

Exemplo: TAVES, R. F. Ministério corta pagamento de 46,5 mil professores. O Globo. 19 maio 1998. Disponível em: . Acesso em: 19 maio 1998.

SITES WWW

AUTOR. Título. Disponível em: . Acesso em: data de acesso.

Exemplo 1: RRABAL, A. K. Jus direito e informática. Disponível em: . Acesso em: 27 abr. 2001.

Exemplo 2: UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Biblioteca Universitária. Serviço de Referência. Catálogos de universidades. Disponível em: . Acesso em: 19 maio 1998.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1 ACKOFF, R. L. Planejamento da pesquisa social. Rio de Janeiro: EPU, 1975.

2 ANDRADE, M. M. de. Introdução à metodologia do trabalho científico. São Paulo: Atlas, 1994.

3 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6023. Rio de Janeiro, Agosto de 1989.

4 BARROS, A J. P. de; LEHFELD, N. de S. Fundamentos da metodologia: um guia para iniciação científica. São Paulo: Makron, 1986.

5 BECKER, L. da S.; KESTRING, S.; SILVA, M. D. da. Elaboração e apresentação de trabalhos de pesquisa. Blumenau: Acadêmica Publicações, 1999.

6 CERVO, L.; BERVIAN, P. Metodologia científica. 3. ed. São Paulo: McGraw-Hill, 1983.

7 CHAUI, M. Convite à filosofia. 4. ed. São Paulo: Ática, 1995.

8 COTRIM, G. Fundamentos da filosofia: ser, saber e fazer. 11. ed. São Paulo: Saraiva, 1995.

9 DEMO, P. Metodologia do conhecimento científico. São Paulo: Atlas, 2000.

10 D´ONOFRIO, S. Metodologia do trabalho intelectual. São Paulo: Atlas, 1999.

11 ENCICLOPÉDIA UNIVERSAL BRASILEIRA. São Paulo: Difusão cultural do livro, [s.d.].

12 EASTEREBY-SMITH, M; THORPE, R; LOWE, A. Pesquisa gerencial em administração. São Paulo: Pioneira, 1999.

13 FASUBRA. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. [s.l.], 19[ ? ].

14 FERRARI, T. Metodologia científica. São Paulo: McGraw-Hill, 1982.

15 GUSMÃO, H; PINHEIRO, E. Como normalizar trabalhos técnico científicos. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1984.

16 HÜHNE, L. M. [org.] Metodologia científica. 7. ed. Rio de Janeiro: Agir, 1999.

17 LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. de. Fundamentos da metodologia científica. São Paulo: Atlas, 1988.

18 RUDIO, F. V. Introdução ao projeto de pesquisa. Petrópolis: Vozes, 1985.

19 RUIZ, J. Á. Metodologia Científica. 4. ed. São Paulo: Atlas, 1996.

20 TAFNER, J; TAFNER, M.; BRANCHER, A. Metodologia Científica. Curitiba: Juruá, 1995.

21 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. Biblioteca Central. Normas para apresentação de trabalhos. Curitiba, 2000.10 v.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here