22.1 C
Sorocaba
quarta-feira, abril 17, 2024

AFONIA

A Afonia corresponde à perda parcial ou total da voz devido a histeria ou alterações da laringe (inflamações ou tumores, por exemplo). Afonia significa perda da propriedade de modular mas não de reproduzir sons.

O afónico, ao contrário do mudo, pode ser capaz de falar e articular o suficiente para qualquer fim, em voz baixa e sibilante. A causa deve ser procurada na impossibilidade de aproximar as duas cordas vocais da laringe, uma vez que, quando a distância é superior a 2mm, já não é possível emitir qualquer som, mesmo o mais elementar.

A voz sibilante é produzida pela passagem do ar através do espaço, relativamente grande, entre cordas vocais afrouxadas. A forma mais frequente de afonia é a temporária, que acompanha a laringite aguda (caracterizada por edema e inflamação das cordas vocais) e a concomitante inflamação catarral do nariz.

A laringite, além de ser provocada pelas constipações, também constitui uma complicação muito frequente da gripe, mas pode ser igualmente consequência de um excesso de voz ou da má colocação da mesma, enquanto o abuso de álcool e tabaco é factor predisponente.

A afonia pode também ser provocada pela rigidez das cordas vocais, devido à alteração dos tecidos aos quais estão ligadas: é o que acontece em casos de feridas seguidas de cicatriz.

A sífilis e a gota podem atacar as pequenas articulações nas quais estão inseridas as extremidades das cordas vocais. O mesmo efeito pode ser produzido por vegetações tumorais benignas ou malignas.

Outros trabalhos relacionados

TRIAGEM AUDITIVA EM NEONATOS

Autor: Evelise Aline Soares 1 - Introdução A deficiência auditiva afeta inúmeras crianças, desta forma é fundamental o diagnóstico precoce e a prevenção durante o período...

CRIANÇAS E AS ALTERAÇÕES NA FALA

Durante a gestação inicia-se o desenvolvimento da fala através dos movimentos respiratórios e de sucção, que só estarão aptos após o nascimento, isto é,...

AMAMENTAÇÃO

Autor: Joyce dos Santos Porcino A fonoaudiologia atuando diretamente nesta área. A amamentação é de fundamental importância para o recém-nascido. Além de estabelecer um vínculo entre...

UTI-NEONATAL

Autor: Sabrina Peral População atendida: Recém nascido pré-termo, que tenha apresentado alguma intercorrência clínica na sala do parto. Recém nascido à termo, com o quadro de asfixia...