22.8 C
Sorocaba
segunda-feira, janeiro 30, 2023

LEVANTAMENTO OLÍMPICO

Autor: Edmílson Dantas e João Coutinho

LEVANTAMENTO OLÍMPICO

O Levantamento de Peso Olímpico (“olimpic wheightlifting”) talvez seja o esporte de força menos conhecido pelo público. Frequentemente confundido com o Levantamento Básico (“powerlifting”) ou com o popular Fisiculturismo (“bodybuilding”) , o LPO é uma das modalidades mais antigas do quadro olímpico, tendo sua participação iniciada nos Jogos de 1890!

O objetivo do LPO é levantar a maior quantidade de peso acima da cabeça em dois movimentos: o arranco (“snatch”) e o arremesso (“clean and jerk”) . Para cada movimento o atleta dispõe de três tentativas, podendo aumentar o peso da barra à medida que sua tentativa é válida. É declarado campeão o atleta que levantar a maior quantidade de peso somando-se a melhor tentativa do arranco com a do arremesso.

No primeiro movimento da competição, o arranco, a barra é levantada em um único movimento do solo até acima da cabeça.

O segundo movimento, o arremesso, é dividido em duas fases. Na primeira fase, conhecida como 1o. tempo (“clean”), a barra é erguida do solo até os ombros em um único movimento (fig. 02) . A partir daí se inicia a segunda fase, o 2o. tempo (“jerk”), onde o atleta num movimento explosivo “joga” a barra do ombro até acima da cabeça, utilizando-se da técnica da “tesoura” (afastamento antero-posterior dos pés).

Treinamento Competitivo

O treinamento competitivo do LPO está fundamentado em três princípios do treinamento: 1) especificidade; 2) sobrecarga e 3) variabilidade. Para atingir estes objetivos, o LPO desenvolveu o método da periodização (1), difundida mais tarde para as demais modalidades esportivas. Para cada fase do treinamento, o levantador olímpico altera o tipo, o volume e a intensidade dos exercícios de treinamento, que no LPO são divididos em (2) :

– Técnicos: arranco, arremesso e suas variações.
– Especiais: agachamentos , puxadas , terra (força específica)
– Auxiliares: musculação, saltos, tiros (força geral)

Neste esporte o sucesso depende da capacidade do atleta de combinar força, força-rápida (ou potência) e técnica apurada. Em virtude dessas qualidades que o levantador de peso desenvolve, o LPO tem sido utilizado como parte do treinamento de força de outras modalidades esportivas – no atletismo, basquete, tênis e beisebol (3) . Este aspecto será melhor discutido em um próximo artigo.

Outros trabalhos relacionados

Conceito de Diversidade

Autoria: Dayverson W. F. de Castro Para que possamos desempenhar melhor nosso papel de educadores não só na área de Educação Física mais em todas...

Estudo comparativo do VO2 máximo de Trabalhadores da zona rural e urbana de Muriaé/MG

Com o objetivo de estudar o estilo de vida, comparando assim o consumo máximo de oxigênio (VO2 máx) entre indivíduos da zona rural e...

Autismo

Autoria: Ana Paula de Souza O primeiro a definir o autismo foi Kanner, 1943, que após observar 11 crianças tidas como especiais chegou à conclusão...

Avaliação Física

Autor: Grupo Fitmail A prática de exercícios físicos tem ocupado uma posição de destaque em nossa sociedade. Vemos surgir novas academias quase que diariamente, e...