24.5 C
Sorocaba
sábado, abril 13, 2024

O PAGADOR DE PROMESSAS – Dias Gomes

O PAGADOR DE PROMESSAS – Dias Gomes

Esta é uma peça de teatro ganhadora de inúmeros prêmios e que, transformada em filme, recebeu a Palma de Ouro no Festival de Cinema de Cannes.

Os choques entre a crença ingênua e a religião dogmática; a credulidade simples e a armação maliciosa; a sinceridade das intenções e a completa distorção dos fatos; a inocência e a malícia; a verdade e seu falseamento são alguns dos componentes do embate entre a cultura do campo e a da cidade, cuja raiz é a má vontade que coloca a incomunicabilidade como obstáculo intransponível a dividir as pessoas.

Zé-do-Burro é a vítima-símbolo do criminoso, agressivo, massacrante e cruel sistema social e político de que até a religião se torna instrumento.

Outros trabalhos relacionados

FOGO MORTO – José Lins do Rego

FOGO MORTO - José Lins do Rego O regionalismo de 30 Publicado em 1943, Fogo Morto é a última obra-prima do regionalismo neo-realista surgido no Brasil...

Cidades Mortas – Monteiro Lobato

Cidades Mortas - Monteiro Lobato Publicado em 1919, pela Revista do Brasil, este segundo livro de Lobato levava o subtítulo " Contos e Impressões "...

No Moinho – Éça de Queiroz

No Moinho - Éça de Queiroz Paixão e realismo se misturam e enriquecem os contos de Eça de Queiroz. Esta aparente contradição se explica se...

Atrás das portas brancas

Atrás das portas brancas Cap 1- Atrás das portas brancas O Livro conta a historia de Frank, um agente esportivo que viajou para Las Vegas se...