15 C
Sorocaba
quarta-feira, junho 19, 2024

PUBERDADE PRECOCE

Severino Rodrigues de Figueiredo

A adolescência é um dos períodos de transição, para a idade adulta.Época em que se desenvolve as características própria desta fase, desenvolvimento de pelos, mamilos, modificação da voz, etc.. Fatores nutricionais, clima, obesidade, hereditariedade pode anteceder o aparecimento das características sexuais para em media 8 anos.Motivo pelo qual, principalmente na adolescente é motivo de preocupação das mães, em procurar saber o porquê do aparecimento precoce das características sexuais..

No tocante ao peso, sabemos que a leptina, elevada determina uma menarca mais precoce.A leptina mais baixa determina uma menarca mais tardia, haja vista as pacientes, magras, atletas que apresentam alteração de ciclo.
Todas estas modificações decorrem por conta do amadurecimento do eixo hipotálamo-hipófise-ovariano Didaticamente poderíamos resumir: estirão—telarca


pubarca


menarca.

Formas clinicas:

Puberdade precoce verdadeira.Também denominada de GnRH dependente, isossexual, central.os mecanismos determinantes são a nível do eixo hipotálamo-hipofise ovariano.
Pseudopuberdade precoce. Denominada de GnRH independente, isso ou heterossexual., docorrentes de outros órgãos.
Basicamente é o aumento dos hormônios sexuais.
A puberdade precoce é mais comum no sexo feminino na proporção de 1:5.

Causas de puberdade precoce.

Traumatismos crânio encefálicos.
Tumores do SNC
Cistos funcionais ovarianos
Tumores de células da granulosa
Encefalite, meningite, sífilis, epilepsia.toxoplasmose
Hidrocefalia.
Hipotiroisimo
Cremes a base de estrógenos
Displasias do septo óptico
Síndrome de McCune Albright
Pesticidas organoclorados
Esteroides sexuais. Pílulas, alimentos contendo estrógenos.

gnostico

Deve-se pesquisar historia familiar, PESO, ESTATURApatologias associadas as causas acima relatadas, um ultrosonografia pélvica e abdomem total, tomografia/ressonância, AVALIAÇÃO OFTALMOLOGICA/ NEUROLOGICA.
Importantíssimo a CITOLOGIA VAGINAl. AVALIAÇÃO DA IDADE OSSEA, DOSAGEM DE B-HCG

Por fim dependendo dos resultados encontrados dosa-se FSH, LH, Prolactina.,ths T4.,estradiol, testosterona

Tramento: A critério do(a) profissional.

Bibliografia:

Endocrinologia Ginecológica- Lucas Vianna Machado.
Ginecologia da Infância e daAdolescencia-Tourinho,Bastos, Moreira.
Ginecologia Endócrina e da Reprodução – Mario Gaspare Giordano.
Tratado de Ginecologia- Halbe

Outros trabalhos relacionados

TIREOIDE E GRAVIDEZ

De um modo geral, o hipertiroidismo, o hipotiroidismo e o aparecimento de nódulos da tireoide, são mais frequentes nas mulheres do que nos homens....

DENGUE

A Dengue é uma doença causada por um vírus denominado Flaviviridae e tem grande chance de cura, porém, se não tratada, pode levar a...

CENTRIFUGAÇÃO EM OPERAÇÕES UNITÁRIAS

1 – Introdução A introdução deste trabalho propõe-se a mostra a visão geral dos aspectos abordados, para um perfeito entendimento e assimilação de todo seu...

Aborto no Brasil

Atualmente no Brasil o aborto é considerado crime, exceto em duas situações: de estupro e de risco de vida materno. A proposta de um...