32.3 C
Sorocaba
quarta-feira, janeiro 25, 2023

200 CRÔNICAS ESCOLHIDAS – Rubem Braga

200 CRÔNICAS ESCOLHIDAS – Rubem Braga

Com uma linguagem sensível e poética, Rubem Braga capta flagrantes da vida cotidiana que ele próprio viveu ou testemunhou. São lembranças de cenas da Segunda Guerra.

As Meninas e Eu

Estava de pé na praia. Podia ser um momento feliz, em si mesmo talvez fosse; e aquele singelo quadro de beleza me fez bem; mas uma fina, indefinível tido azul, as duas meninas rindo, saltando com seus vestidos colados ao corpo, brilhando ao sol; o vento. . .

Quando ele foi repórter da frente de batalha.

A Menina Silvana

A menina estava quase inteiramente nua, porque cinco ou seis estilhaços de uma granada alemã a haviam atingido em várias partes do corpo. Os médicos e os enfermeiros, acostumados a cuidar rudes corpos de homens, inclinavam-se sob a lâmpada para extrair os pedaços de aço que haviam dilacerado aquele corpo branco e delicado como um lírio agora marcado de sangue.

São recordações de momentos marcantes de sua infância e de sua juventude com os amigos.

A equipe

Uma velha, amarelada fotografia de nosso time. No primeiro plano, vê-se a linha intrépida, ajoelhada sobre o joelho esquerdo, prestes a erguer-se, uma vez batida a chapa, e atacar com fúria. A defesa está atrás de pé pelo Brasil.

São casos de amor e amizade com mulheres fantásticas que marcaram sua vida.

As Luvas

Só ontem o descobri, atirado atrás de uns livros, o pequeno par de luvas pretas. Fiquei um instante a imaginar de quem poderia ser, e logo concluí que sua dona é aquela mulher miúda, de risada clara e brusca e lágrimas fáceis, que veio duas vezes, nunca me quis dar o telefone nem o endereço, e sumiu há mais de uma semana.

São cenas que retratam o convívio diário com outras pessoas, os choques de opiniões e interesses, o dia-a-dia do trabalho de um jornalista que precisa escrever sua crônica diária para sobreviver.

O telefone

Honrado Senhor Diretor da Companhia Telefônica: Quem vos escreve é um desses desagradáveis sujeitos chamados assinantes; e do tipo mais baixo: dos que atingiram essa qualidade depois de uma longa espera na fila.

Acima de tudo, Rubem Braga tenta redescobrir o lado humano na selva urbana de pedra, busca despertar nas pessoas a amizade e cordialidade na convivência.

Outros trabalhos relacionados

Eu – Augusto dos Anjos

Eu - Augusto dos Anjos Eu, única obra de Augusto dos Anjos, reúne sua obra poética. De linguagem cientificista (a minha edição tem "só" 373...

Chalaça – José Roberto Torero

Chalaça - José Roberto Torero Chalaça = zombeteiro, gracejo, caçoada. Narrado em 1ª pessoa Esta obra constitui-se do caderno de anotações de Francisco Gomes da Silva, conselheiro...

O Guarani – José de Alencar

O Guarani - José de Alencar Na primeira metade do século XVII, Portugal ainda dependia politicamente da Espanha, fato que, se por um lado exasperava...

O QUE É EDUCAÇÃO

Resumo do livro "O que é Educação" (BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O que é Educação. 21 ed. São Paulo: Editora Brasiliense, 1981) Através de uma discussão sob...