• No decorrer da historia da humanidade, a administração se desenvolveu com uma lentidão impressionante.
• No final com o século XIX, contudo a sociedade era completamente diferente. As organizações eram poucas e pequenas: predominavam as oficinas, artesão independente, pequenas escolas, profissionais autônomos (médicos, advogados, o lavrador, o armazém da esquina etc.).
• Somente a partir do século XX é que ela surgiu e apontou um desenvolvimento de notável inovação. Nos dias de hoje a sociedade típica dos países desenvolvidos é uma sociedade pluralista. Organizações na qual a maior parte das obrigações sociais (como a produção de bens ou serviços e geral).

Antecedentes Históricos da Administração

Apesar de o trabalho sempre ter existido na história da humanidade, a história das organizações e de sua administração é um capítulo que teve início há pouco tempo.

Uma das coisas que mais impulsionaram a necessidade da administração nas organizações foi o fato da necessidade de comercialização de mercadorias, pois as empresas não tinham mais problemas de produção. Essa administração Mercadológica foi fundamental para o início das atividades da Administração nas empresas.

Administração- Conceito

Trabalhar com pessoas para atingis objetivos

• Objetivos, decisões e recursos são as palavras chaves na definição no conceito de administração.
• Administração é o processo de tomar e colocar em prática decisões sobre objetivos e utilização de recursos. Administração é o processo ou atividade dinâmica, que consiste em tomar decisões sobre objetivos e recursos.
• Principais escolas da administração: Administração Científica- Frederick Taylor.
• A abordagem da A.C. de Frederick Taylor, definitivamente a aplicação de métodos científicos para analisar o trabalho e determinar como completar as tarefas de produção eficientemente. Para implementar essa abordagem, Taylor utilizou técnicas como os estudos de tempos e movimentos. Com estes estudos as tarefas foram divididas em seus movimentos básicos e os diferentes gestos eram cronometrados para se determinar o meio mais rápido e eficiente a se completar cada uma das tarefas.
• Os objetivos do estudo dos tempos e movimentos eram os seguintes:

Eliminação de todo desperdício de esforço humano;

Adaptação dos operários à tarefa;

Treinamento dos operários para melhor adequação a seus trabalhos; Maios especialização de atividades.

Outro elemento de abordagem de Taylor era o uso do sistema de gratificação diferenciada. Taylor presumiu que os trabalhadores eram motivados pelo recebimento de dinheiro. Assim, implementou um sistema de pagamento, em que se pagava aos trabalhadores quantias adicionais quando eles excedessem um nível-padrão de resultados em cada trabalho. A grande importância disso é que a produtividade e a eficiência na fabricação melhoravam muito.
Proximidade o esforço da recompensa.
Taylor também enfatizou a necessidade de cooperação entre administração e os trabalhadores. Finalmente o conceito de especialista em administração ganhou destaque.

Apesar desses ganhos, nem todo mundo estava convencido de que a administração científica era a melhor solução para os problemas administrativos.

Os críticos alegavam que Taylor ignorava muitos fatores sociais e psicológicos, rotinas trabalhistas (tédio) e os sindicalistas achavam que as empresas iriam explorar os trabalhadores.

Conceitos chaves

Analisar o trabalho utilizando métodos científicos para determinar a única e melhor maneira de produção;

Enfatizava a cooperação entre trabalhadores e a administração.

Contribuições

Melhorou a produtividade e a eficiência das fábricas;

Proporcionou cooperação entre administração e os trabalhadores.

Limitações

Os pressupostos motivacionais eram simplistas;

Os trabalhadores eram vistos como parte de uma máquina.

Abordagem clássica da administração Gestão Administrativa_henry Fayol

O trabalho do francês Henry Fayol foi considerado uma das maiores contribuições parra o campo da gerência e da administração. Seu trabalho a realização mais ou menos na mesma época que o de Taylor.

Entretanto ao contrário de Taylor, que começou no nível operacional de uma organização, Fayol enfatizou trabalhos nos níveis organizacionais de cúpula administrativa, buscando uma definição das responsabilidades em todo os níveis organizacionais.

Fayol estava principalmente preocupado com a função de Direção, pois sentia que a habilidade administrativa era a mais importante que se requeria da direção da companhia.

Gestão administrativa- Henry Fayol

Neste trabalho, Fayol identificou 14 princípios de administração, em que eram:

• Divisão do trabalho;
• Autoridade e Responsabilidade;
• Disciplina;
• Unidade de comando;
• Unidade de Direção;
• Subordinação do Interesse Individual para o Interesse Geral;
• Remuneração do Pessoal;
• Centralização;
• Rede escolar (Hierarquia);
• Ordem;
• Equidade;
• Estabilidade;
• Iniciativa
• Espírito de Equipe.

Obs.: Principais enfoques: Racionalização do trabalho no nível operacional, organização formal, princípios gerais de administração, função do administrador.

Nestas escolas ¨empresa¨ era o sistema que o principal era a produtividade e principalmente a eficiência, independentemente do fator humano, o foco é chegar a eficiência, ¨o quanto mais rápido a produção mais produtividade e lucro ¨.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui